12h00

Hospital Santa Izabel amplia uso da técnica minimamente invasiva na cirurgia cardíaca

Aliando credibilidade e inovação, o Hospital Santa Izabel está investindo em novas técnicas e procedimentos cada vez mais seguros e menos invasivos para ampliar as possibilidades de tratamento cirúrgico das doenças cardiovasculares

Compartilhe
Tamanho do Texto

A maneira como o coração é diagnosticado, tratado e protegido está entre as maiores conquistas médicas de todos os tempos e vem passando por um processo de evolução contínua. Agora, quando um número cada vez maior de procedimentos cardiológicos é realizado de forma minimamente invasiva, o Hospital Santa Izabel registrou mais um significativo avanço e começou a realizar intervenções cirúrgicas de revascularização do miocárdio (chamada popularmente de ponte de safena) com pequenas incisões entre as costelas. 


A técnica minimamente invasiva assistida por vídeo permite também a reparação ou substituição de uma válvula cardíaca e a correção de defeitos congênitos. O método diminui o trauma no tórax do paciente e faz com que a recuperação seja geralmente mais rápida, com menor tempo de internação hospitalar. 


"Estudos científicos comprovaram outros ganhos importantes como menor tempo de ventilação mecânica, redução na permanência em terapia intensiva, menor utilização de transfusão de sangue e hemoderivados e menor custo total de internação", acrescenta o cirurgião cardiovascular Dr. Wanewman Andrade que, juntamente com Dr. José Carlos Bertassi vem realizando esse procedimento com resultados positivos para os pacientes cuja a terapêutica indicada não pode ser feita, fundamentalmente de acordo com o diagnóstico, de forma clínica ou por meio de um procedimento hemodinâmico (angioplastia). 


Referência - Os investimentos do Santa Izabel na área da Cardiologia estão sintonizados com o perfil epidemiológico da população. Causa de morte número 1 em todo o mundo, com cerca de 18 milhões de mortes a cada ano, a doença cardiovascular tem registrado aumento de prevalência a medida que a população envelhece.

Certificações
Selo Diamante em Hemodinâmica
Selo Diamante em Hemodinâmica

O Serviço de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista do Hospital Santa Izabel foi o primeiro da Bahia a receber a mais alta certificação de qualidade nos procedimentos de hemodinâmica e cardiologia intervencionista, conferida pela Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (SBHCI). Menos de dez serviços de hemodinâmica alcançaram essa certificação no Brasil. 

O selo diamante, concedido em parceria com o IQG - Health Services Accreditation é considerado o nível máximo de qualidade. Ele atesta o compromisso da unidade com a qualidade e segurança na gestão da assistência ao paciente, a qualificação profissional e a melhoria dos processos.

Acreditação com Excelência ONA 3
Acreditação com Excelência ONA 3

O Santa Izabel tem Acreditação com Excelência referente a três níveis: Segurança do Paciente, Gerenciamento de Risco e Rotina, e os indicadores de Qualidade e de Desempenho. A Acreditação é emitida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) e é o nível máximo obtido a nível nacional. A assistência ambulatorial e hospitalar contempla os pacientes particulares e conveniados às principais operadoras e planos de saúde, além dos usuários encaminhados para atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Certificação Internacional QMentum Diamond
Certificação Internacional QMentum Diamond

O Hospital Santa Izabel conquistou em agosto de 2019 a certificação internacional QMentum, que atesta práticas de gestão e de assistência mais transparentes e seguras, igualadas a padrões de excelência internacionais. O modelo da Acreditação QMentum International possui as seguintes diretrizes de avaliação: foco epidemiológico, acessibilidade, segurança, segurança ocupacional, cuidado centrado no paciente, continuidade do cuidado, efetividade e eficiência. O Hospital Santa Izabel tornou-se integrante QMentum International IQG em 2017, quando iniciou a adequação e melhoria dos processos internos, como forma de garantir a maior segurança e qualidade assistencial e a redução dos riscos no ambiente hospitalar.

HIMSS EMRAM 7
HIMSS EMRAM 7

O Hospital Santa Izabel conquistou, em 2019, a certificação da Healthcare Information and Management Systems Society (HIMSS) estágio 7 e se tornou o oitavo hospital brasileiro a ser reconhecido pela metodologia considerada uma das mais importantes a auxiliar a transformação digital de unidades de saúde. Para tal, a Santa Casa da Bahia ampliou os investimentos para implementar novas soluções tecnológicas com capacidade de melhorar a qualidade e segurança da assistência ao paciente e transformar o Santa Izabel no primeiro hospital digital do Estado.

2019 - 2021. Santa Casa da Bahia. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital