08h30

HSI realiza primeiro procedimento para implante minimamente invasivo que trata pacientes com insuficiência mitral

Compartilhe
Tamanho do Texto

Nesta quinta-feira (6) foi realizado, no Hospital Santa Izabel (HSI), o primeiro procedimento denominado MitraClip, que se trata de um dispositivo minimamente invasivo que repara a válvula mitral sem a necessidade de um procedimento cirúrgico convencional.

O dispositivo é utilizado para tratar a doença cardíaca chamada regurgitação mitral, sendo implantado no coração por meio de um cateter inserido na veia femoral, permitindo que o coração bombeie o sangue de maneira mais eficiente.

“Este procedimento é indicado para casos de insuficiência da válvula mitral, sendo um procedimento alternativo à cirurgia cardíaca com a troca de válvula. Apesar de ser necessário o uso da anestesia geral, é indicado para pacientes que não podem ser operados, por serem muito frágeis ou idosos, com risco elevado para a cirurgia”, explicou o médico cardiologista do HSI, Dr. Adriano Dourado.

O procedimento foi feito Serviço de Hemodinâmica do HSI, pelos cardiologistas e cirurgiões Dr. Adriano Dourado e Dr. Joberto Sena.
Na ocasião, também foi realizado um procedimento de oclusão do apêndice atrial, que contou com os médicos cardiologistas, Dr. Carlos Gordilho, de Pernambuco; e o médico ecocardiografista, Dr Maximiliano Lacoste, do Rio de Janeiro.

Certificações
Selo Diamante em Hemodinâmica
Selo Diamante em Hemodinâmica

O Serviço de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista do Hospital Santa Izabel foi o primeiro da Bahia a receber a mais alta certificação de qualidade nos procedimentos de hemodinâmica e cardiologia intervencionista, conferida pela Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista (SBHCI). Menos de dez serviços de hemodinâmica alcançaram essa certificação no Brasil. 

O selo diamante, concedido em parceria com o IQG - Health Services Accreditation é considerado o nível máximo de qualidade. Ele atesta o compromisso da unidade com a qualidade e segurança na gestão da assistência ao paciente, a qualificação profissional e a melhoria dos processos.

Certificação Internacional QMentum Diamond
Certificação Internacional QMentum Diamond

O Hospital Santa Izabel conquistou em agosto de 2019 a certificação internacional QMentum, que atesta práticas de gestão e de assistência mais transparentes e seguras, igualadas a padrões de excelência internacionais. O modelo da Acreditação QMentum International possui as seguintes diretrizes de avaliação: foco epidemiológico, acessibilidade, segurança, segurança ocupacional, cuidado centrado no paciente, continuidade do cuidado, efetividade e eficiência. O Hospital Santa Izabel tornou-se integrante QMentum International IQG em 2017, quando iniciou a adequação e melhoria dos processos internos, como forma de garantir a maior segurança e qualidade assistencial e a redução dos riscos no ambiente hospitalar.

HIMSS EMRAM 7
HIMSS EMRAM 7

O Hospital Santa Izabel conquistou, em 2019, a certificação da Healthcare Information and Management Systems Society (HIMSS) estágio 7 e se tornou o oitavo hospital brasileiro a ser reconhecido pela metodologia considerada uma das mais importantes a auxiliar a transformação digital de unidades de saúde. Para tal, a Santa Casa da Bahia ampliou os investimentos para implementar novas soluções tecnológicas com capacidade de melhorar a qualidade e segurança da assistência ao paciente e transformar o Santa Izabel no primeiro hospital digital do Estado.

2019 - 2022. Santa Casa da Bahia. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital